Notícias

Gestão da Sabina custará R$ 3,3 mi aos cofres de Santo André por um ano

O processo de seleção da Organização da Sociedade Civil de Interesse Público chegou ao fim nesta semana. O Consórcio de Empreendedores Sociais (Coesa) assumirá as atividades de manutenção da Sabina Escola Parque do Conhecimento, em Santo André, até o final do mês.

A Escola foi reaberta em abril, sendo administrada pela Secretaria de Educação do Município. No fim de 2016, a administração municipal firmou acordo com a Universidade Federal do Grande ABC, buscando a gestão do parque, contudo o contrato foi rompido pelo atual governo.

O Contrato com o Coesa tem duração de um ano, com custo de R$ 3,3 milhões aos cofres públicos do município. O Consórcio apresentou um projeto pedagógico à Sabina que prevê ações educativas, tecnológicas especializadas, manutenção e substituição de equipamentos, além da contratação de 20 monitores e 43 profissionais das áreas pedagógicas, administrativas e de manutenções.

Uma das ideias é implantar lanchonetes no local, para que os frequentadores não precisem levar lanches de casa.