Notícias

200 mil moradores de Santo André vivem sem rendimentos; 25 mil recebem Bolsa Família

De acordo com artigo publicado pelo jornal Repórter Diário neste domingo (21/05), quase 200 mil pessoas vivem sem qualquer renda mensal ou dependem de benefícios governamentais em Santo André.

Passados sete anos do último Censo realizado pelo IBGE, o número atual pode ser ainda maior com o recente crise de desemprego que tomou o país e que também afetou a cidade.

No Grande ABC, quase 800 mil pessoas vivem sem rendimentos. Santo André ocupa o segundo lugar no ranking liderado por São Bernardo.

A realidade se reflete nas estatísticas dos programas sociais. Conforme os dados divulgados pela Governo Federal, por meio do Portal da Transparência, cerca de 25 mil andreenses estão cadastrados no Bolsa Família.