Notícias

Sabesp move ação na justiça e precatórios de Santo André podem dobrar

As dívidas da Prefeitura de Santo André com precatórios podem dobrar, atingindo o valor de R$ 3,2 bilhões, caso o Semasa perca uma ação que está sendo movida na Justiça pela Sabesp.

A Companhia questiona os valores cobrados pelo metro cúbico da água, na quantia de R$ 1,5 bilhão.

Entre as alternativas da Prefeitura estão a transformação da autarquia em empresa. Tal mudança poderia mudar a composição da dívida e a concessão total ou parcial da prestação dos serviços.

No entanto, Paulo Serra descarta a transferência do comando do Semasa para a Sabesp.

Sobre o pagamento dos precatórios já reconhecidos, a Prefeitura pretende seguir em discussão com o TJ-SP (Tribunal de Justiça de São Paulo) e enquadrar o município em situação de exceção, já que Santo André é a terceira maior devedora do País.

Fonte: DGABC