Notícias

CDP de Santo André proporciona mutirão de Cidadania e Empregabilidade aos presos

O CDP (Centro de Detenção Provisória) de Santo André realizou nesta terça-feira, 31, a Jornada de Cidadania e Empregabilidade, com o objetivo de oferecer ferramentas para a recuperação, reinserção social e econômica e consequentemente evitar a reincidência, que atualmente gira em torno dos 24,4% nos presídios brasileiros, de acordo com o Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada).

A jornada funciona como um mutirão e são oferecidos vários serviços aos presos, tais como emissão de RG, CPF, certidão de nascimento, casamento, corte de cabelo, exames de saúde, atendimento jurídico, cursos de alfabetização e palestras motivacionais e de emprego.

Para o diretor do CDP de Santo André, Antônio Carlos da Silva, a emissão dos documentos é o primeiro passo para que os detentos voltem à sociedade. Com os documentos emitidos, são oferecidas aos presos opções de cursos profissionalizantes e de alfabetização. “Não temos pena perpétua no Brasil, então se ele entrou, vai sair. É preciso prepará-los para essa saída”, observou.