Notícias

Agressão em Santo André: mãe alega ter sentido rejeição pela criança após nascimento

Casal que agrediu bebê de 4 meses será transferido para penitenciária. A bebê está em situação estável, sem risco de morte, mas permanece na UTI sem previsão de alta.

Em entrevista a Rede Record, a mãe alegou ter sentido rejeição pela criança após o parto. Ela ainda diz que não há explicação para ter agredido a bebê e se julga ter “demência”.

A Rede Record foi até a rua em que o casal reside e os vizinhos disseram que após o nascimento da bebê, nunca mais viram a mãe sair de casa, ela também não permitia que visitassem a criança.

Leia também:
Casal é preso acusado de agredir a filha de 4 meses em Santo André; veja o vídeo com a reportagem

Compartilhe!