Notícias

Santo André desenvolve estratégia pioneira no diagnóstico de HIV

A cidade de Santo André anunciou uma estratégia considerada pioneira para o diagnóstico do vírus HIV em pacientes cujo resultado foi negativo no teste rápido.

O estudo é um dos finalistas de um programa organizado pelo Ministério da Saúde em parceria com a FAPESP. O projeto de Santo André é o único que envolve HIV entre as centenas de pesquisas inscritas.

Em entrevista ao jornal Repórter Diário, a infectologista Elaine Matsuda explica que os testes rápidos não preveem a chamada “janela imunológica” de 30 dias após o sexo sem proteção e a nova estratégia chega para suprir essa deficiência e garantir o diagnóstico preciso.


 

Comente!